tela de plasma

Eles se despediram na tela de plasma. Apaixonados. A mão dele escorreu por todo o casaco dela no beijo final. Maria notou. Como notara vários detalhes por que outros passariam distraídos: a intensidade do olhar da protagonista antes da declaração de amor, o sorriso no rosto da criança no fundo da cena, enquanto o galã […]

dos versos que escrevo

Escrevo-te versos impróprios que, à sombra, trazem a libidinosa vontade de amar-te sem culpa por saber que sofrerá quem neles reconhecer uma história. Os versos que te escrevo me sobram nos pensamentos, nas noites sem alimento nem luz, em que a insanidade ronda o catre frio e estéril em que me deito só. Mas são […]